ALIANÇA GLOBAL DE CATADORES
ALIANÇA GLOBAL DE
CATADORES
A Aliança Global de Catadores é um processo de articulação entre milhares de organizações de catadores de materiais recicláveis apoiado pela WIEGO em mais de 28 países cobrindo principalmente América Latina, Ásia e África.
Apoiado por Logo WIEGO

por

Região

março 01, 2012


Verifique a tradução:
Palmer Street recyclers celebrate March 1

catador Afrika Ntuli dançando no dia Mundial do Catador. Imagen da AeT.

Por Tasmi Quazi

Asiye eTafuleni (AeT, sua sigla em inglês) teve a experiência de trabalhar com os catadores informais em espaços públicos, e desde 2009, tem trabalhado com dois grupos de catadores de papelão das zonas urbanas no Projeto de Reciclagem de Papelão. Esta é uma comissão do governo da cidade concedida a AeT para implantar estratégias que melhorem a perspectiva de vida dos catadores de papelão. Consequentemente através deste Projeto tornou-se claro que além de ser um trabalho de pouca dificuldade, acessível à dos indivíduos mais marginilizados na sociedade e contribuir para manter os espaços urbanos limpos; é o excelente exemplo de um trabalho na economia verde.

Com a mudança das prioridades mundiais e a crescente pressão sob o significante aumento da taxa de reciclagem e a descoberta de inovadoras formas de utilizar os resíduos, há uma oportunidade de transformar o status e a percepção dos catadores informais. Portanto, para a AeT, o Dia Mundial dos Catadores de Materiais Recicláveis é uma oportunidade importante para destacar as contribuições valiosas dos catadores informais para o meio ambiente e para as economias urbanas.

Africa Ntuli e Victoria Bubu mostrando solidariedade com 1 de março.

Estes comentários são o que alguns catadores de materiais recicláveis da zonas urbanas tem a dizer sobre o 1º de março de 2012, Dia Mundial dos Catadores de Materiais Recicláveis:

“Eu estou grato, me sinto respeitado e honrado, e feliz por saber que os catadores de materiais recicláveis estão unidos mundialmente! O setor de reciclagem informal é importante para os que estão formalmente desempregados porque nós ganhamos uma forma de sustento para nossas famílias. Nós não contribuímos somente para manter a natureza, mas também a economia do nosso país. Nós merecemos respeito e também é uma oportunidade de agradecer aos estabelecimentos e as pessoas que nos deixam coletar seus resíduos. Eles devem continuar nos apoiando com este sistema!” Afrika Ntuli

“Encontrar outros catadores de materiais recicláveis do mundo inteiro durante a COP17 e o dia Mundial dos Catadores de Materiais Recicláveis mostra que estamos sendo reconhecidos mundialmente e que nossos desafios são universais. Para mim, também é um incentivo continuar trabalhando duro nesta tarefa.” Victoria Bubu

“Para mim, fazer parte da delegação internacional dos catadores de materiais recicláveis na COP17 e no Dia Mundial dos Catadores de Materiais Recicláveis significa que como catadores de materiais recicláveis estamos cada vez mais sendo tratados como seres humanos com direitos.” Musa Khoza